FANDOM


Gabriel "Gabe" Ugliano era o marido desrespeitoso e abusivo de Sally Jackson e padrasto de Percy Jackson por quem nutria um ódio mútuo, sendo apelidado por ele de Gabe Cheiroso. Ele foi morto quando Sally, cansada dele, o petrificou com a cabeça da Medusa que Percy havia deixado para trás.

História Editar

Como revelado por Grover, a mãe de PercySally Jackson, escolheu se casar com Gabe pois seu odor era tão forte que mascarava o cheiro de semideus de Percy que sendo filho de Poseidon, teria um cheiro muito forte que atrairia muitos monstros. Diz-se que Gabe foi simpático pelos "primeiros trinta segundos em que o conheceram" e depois mostrou suas que realmente era como um “imbecil de marca maior”. Então por conta de seu cheiro, Percy, ainda pequeno o apelidou de Gabe Cheiroso.

Ele frequentemente abusava de Sally e a tratava mal, chegando até mesmo a agredir fisicamente, além de odiar Percy e não confiar nele.  Ele jogava pôquer, bebia e fumava charuto todos os dias com seus "amigos de pôquer". Percy não entende por que ele não era demitido do seu serviço de Gerente do Hipermercado de Eletrônica, visto que pouco trabalhava e gastava seu dinheiro no pôquer, em bebidas e charutos, além de ainda sempre pegar o dinheiro que Percy traz consigo.

Percy Jackson e os Olimpianos Editar

O Ladrão de Raios Editar

Quando Percy chega em casa pela primeira vez, Gabe para Percy na porta da frente e diz para ele entregar todo o seu dinheiro e quando Percy mente dizendo que não tem, Gabe rapidamente calcula que ele provavelmente pagou seu táxi com uma nota de 20, ganhando 6 ou 7 dólares de troco que Percy entrega. Gabe é convencido por Sally a emprestar seu Camaro 78 para que ela e Percy passem o fim de semana na praia em Montauk, embora Gabe pensasse que ela estava brincando no começo, ele concorda desde não tivesse que gastar nenhum dinheiro para eles irem embora e Sally fizesse uma pasta de sete camadas e Percy pedisse desculpas por interromper seu jogo de pôquer. Quando Percy e Sally vão embora, ele avisa o enteado para não arranhar seu carro e volta ao seu jogo de pôquer.

Depois que eles são atacados pelo Minotauro que destrói o Camaro e faz Sally desaparecer, Gabe afirma ao jornal New York Daily News que Percy é problemático, tendo sido expulso de inúmeros internatos e demonstrado tendências violentas no passado, o que torna Percy suspeito do desaparecimento da mãe. Quando Percy recebe a profecia do Oráculo, o espírito de Delfos assume a forma de Gabe e seus amigos do pôquer e ao início da missão, Grover lhe conta porque Sally se casou com Gabe. Mais tarde, após a explosão do ônibus com as Fúrias, é revelado que Gabe pôs uma recompensa em dinheiro por qualquer informação que leve à captura de Percy. Quando Percy procura pela entrada do Mundo Inferior, ele vê Gabe ser entrevistado no seu apartamento por Barbara Walters no meio de um jogo de pôquer enquanto uma jovem loira afaga a sua mão. Gabe diz a Barbara que se não fosse pela “Fofinha”, ele estaria um caco, pois seu enteado tirou tudo dele. Porém, ao derrotar Ares, é Percy quem dá uma entrevista, dizendo que só quer ver seu amado padrasto de novo e lhe doía vê-lo chamando de delinquente, afirmando ainda que Gabe irá adorar recompensar as pessoas de Los Angeles com um eletrodoméstico grátis de sua loja.

Quando Sally é libertada por Hades, ela reaparece em seu apartamento com Gabe e ele fica furioso porque precisa devolver o dinheiro que conseguiu do seguro de vida dela. Ele então a faz voltar ao trabalho, dizendo que ela tem um mês de salário para compensar e é melhor começar. A sua fúria aumenta quando Percy retorna e diz que vai apresentar queixa contra Percy por destruir seu Camaro. Sally tenta defender Percy, mas Gabe se move como se fosse dar um tapa nela, e ela fica em silêncio. Percy percebe que Gabe está batendo em sua mãe e ameaça pegar Contracorrente, mas sabe que não vai funcionar contra Gabe; porque "Gabe, segundo a mais vaga das definições, era um ser humano". Gabe zomba da caneta e de seu amigo Eddie quando ele diz para deixá-lo em paz porque Percy é só uma criança. Por fim, ele diz que Percy tem cinco minutos antes de chamar a polícia. Percy vai para o quarto para fazer as malas, e sua mãe tenta convencê-lo a ficar, mas ele insiste que não vai dar certo com Gabe lá. Ele então conta a sua mãe que deixará a cabeça da Medusa para trás e ela deve usar se ele ameaçá-lo. Quando Percy sai, Gabe zomba dele e pede a Sally um bolo de carne, fazendo com que ela assuma uma expressão de raiva e prometa um bolo de carne surpresa.

Percy retorna ao acampamento e recebe uma carta de sua mãe uma semana depois. Ela diz que Gabe desapareceu misteriosamente e que realizou uma denúncia na polícia, mas acredita que não o encontrarão. Num assunto completamente não relacionado, Sally fez sua primeira escultura, "O Jogador de Pôquer" que vendeu para um colecionador e ganhou tanto dinheiro que deu entrada em um apartamento novo e pagou o primeiro semestre de sua Universidade de escrita. A galeria de Soho clamava por mais trabalhos dela, dizendo ser "um grande passo do neorrealismo do super feio". Mas ela garante a Percy que largou a vida de escultora e se livrou da “caixa de ferramentas” que ele deixou. Assim, Percy fica livre para retornar para casa e passar o ano letivo com sua mãe.

Personalidade Editar

Gabe é desrespeitoso, abusivo, preguiçoso e mesquinho. Diz-se que ele cheira dinheiro como um cão de caça e mostra que não tem respeito por mulheres nem ninguém. Ele abusa de sua esposa e a domina como se ela fosse sua serva, além de tratar Percy como um delinquente e tomar todo o seu dinheiro dele, como um segredo de homem que consiste em não contar à Sally ou ele lhe quebra os dentes. Ele também demonstra ser infiel, como uma mulher loira é vista em seu apartamento segurando sua mão, após Sally sumir. Gabe passa todos os dias jogando pôquer, bebendo cerveja e fumando charutos e zomba todos, incluindo seu amigo Eddie.

Aparência Editar

Diz-se que Gabe é gordo, parecendo "uma morsa sem tromba em roupas de brechó", tem um queixo duplo e é careca, exceto por três fios de cabelos pretos, que ele penteia sobre a careca "como se isso o deixasse bonito ou coisa assim". Por ser fumante, alcoólatra e pouco sair de casa, possui uma aparência muito fora de forma e envelhecida. Ele também é tão fedido que mascarava o cheiro de semideus de Percy que descreve seu fedor como "pizza de alho embolorada num calção de ginástica". Grover é capaz de sentir seu cheiro mesmo a várias quadras de distância, além de ainda sentir vestígios de seu cheiro em Percy mesmo que eles não se encontrem há uma semana.

Curiosidades Editar

  • Ele pode ser baseado em Polidetos, que na mitologia tenta se casar com Dânae, a mãe do Perseu original e também acabou sendo petrificado pela cabeça cortada da Medusa.
  • Seu sobrenome "Ugliano" vem da palavra inglesa Ugly (em tradução literal, feio) sendo uma referência de qual vil e podre ser humano ele é.
  • Na adaptação de O Ladrão de Raios em musical, sua estátua é chamada de "Bean Dip" (em tradução literal, molho de feijão, podendo ser traduzido para pasta como no livro) ao invés de "O Jogador de Pôquer".
  • Em A Casa de Hades, Percy diz a Annabeth que o Tártaro cheira como Gabe.
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.